Terça, 28 de Junho de 2022
12°

Poucas nuvens

Ibaiti - PR

Educação Paraná

Estado retoma obras de escola técnica em Medianeira que sofreu com paralisação no passado

A obra do Centro Estadual de Educação Profissional (CEEP) de Medianeira, no Oeste do Paraná, será retomada. O governador Carlos Massa Ratinho Junio...

26/05/2022 às 14h25
Por: Redação Ibaiti News Fonte: Secom Paraná
Compartilhe:
Foto: Reprodução/Secom Paraná
Foto: Reprodução/Secom Paraná

A obra do Centro Estadual de Educação Profissional (CEEP) de Medianeira, no Oeste do Paraná, será retomada. O governador Carlos Massa Ratinho Junior assinou nesta quinta-feira (26) o contrato com a empresa responsável pela obra do CEEP, que representa investimento de mais de R$ 10,7 milhões e vai fortalecer o ensino técnico na região. A unidade terá capacidade para 1,2 mil alunos.

A obra iniciou em outubro de 2013, com previsão de entrega para o segundo semestre do ano seguinte, mas o trabalho foi paralisado pela Operação Quadro Negro, que investigou irregularidades em contratos de construção e reforma de escolas. A paralisação foi em junho de 2014, com 37,91% de execução. Agora, com todas as pendências resolvidas, finalmente será entregue para a população.

A retomada atende uma determinação do governador para finalizar todas as obras escolares que estavam paralisadas. “Para nós é uma alegria retomar mais uma obra como a de Medianeira. No Estado, eram 20 obras nesta situação, no esqueleto, por causa de corrupção. Essa é a última obra que estamos retomando e em alguns meses, entregando para os jovens da região”, afirmou o governador. “É uma escola de educação profissional que faz parte do nosso programa de governo, que é capacitar cada vez mais os jovens para o mercado de trabalho”.

O prefeito de Medianeira, Antonio França Benjamim, afirmou que a obra é aguardada há muito tempo. “É um dia histórico, vamos fazer essa retomada, com a entrega da ordem de serviço para que a empresa possa começar os trabalhos”, disse. “Trata-se de uma obra necessária, muito importante. A nossa região precisa de trabalhadores qualificados e a escola vai dar essa condição, formando trabalhadores, que vão gerar renda e contribuir com o desenvolvimento”.

O edital de licitação da obra foi lançado em outubro e agora a empresa contratada inicia a execução da obra. A previsão para conclusão é de 12 meses. Com isso, a expectativa é inaugurar o CEEP no início de 2023. “A retomada da obra é muito significativa. Vamos ter um colégio daqui um ano e meio para 1.200 alunos de Medianeira e região”, destacou o diretor-presidente do Fundepar, Marcelo Pimentel Bueno.

A unidade vai disponibilizar cursos técnicos nos períodos diurno e noturno para a comunidade, potencializando a qualificação da mão de obra na região. Os cursos são determinados pelo interesse produtivo regional e serão discutidos com a comunidade. A grade curricular dos cursos e suas matrículas serão anunciadas próximo do fim das obras.

IMPACTO POSITIVO– Para Maria Gorete, diretora-geral do Colégio Cívico Militar Tancredo Neves, também de Medianeira, o novo centro educacional vai contribuir ainda mais para o desenvolvimento econômico da cidade, além de trazer uma série de outros benefícios. “O aluno que quer fazer um curso técnico vai ter uma escola especializada próxima de casa. Foram muitos anos com a obra parada, dinheiro público parado, sendo que poderia estar ativa há muito tempo, contribuindo para a região”, afirmou.

Nilton Horn, dono da residência em frente ao local da obra há 35 anos, disse que a paralisação dos trabalhos causou transtornos para a vizinhança. “Nunca mais veio ninguém, ladrão morava aí dentro, tinha prostituição, era um transtorno. Agora vai ter segurança, pois para um colégio ir bem, tem que ter segurança”, arrematou.

ESTRUTURAA estrutura está em uma área de 6.259,62 metros quadrados. Quando concluído, o CEEP terá 12 salas de aula, 10 laboratórios, biblioteca, área administrativa, ginásio de esportes, auditório, cozinha, refeitório, banheiros, guarita e passarela. A escola ofertará aos alunos cursos técnicos que atendam as demandas de arranjos locais de produção.

Com a revisão do projeto, quando a obra foi paralisada, foram acrescentados os serviços de execução de calçada externa, acessibilidade e um campo de futebol nos fundos do terreno da instituição. A parte externa do complexo ainda deve contar com guarita, bicicletário, estacionamento, passarela coberta ligando os blocos e pátio descoberto com auditório ao ar livre.

Foto: Reprodução/Secom Paraná
Foto: Reprodução/Secom Paraná

Foto: José Fernando Ogura/AEN


PRESENÇAS– Participaram da solenidade os deputados estaduais Nelson Luersen, Márcio Pacheco e Ademir Bier; o 1º vice-presidente do Programa Oeste em Desenvolvimento e presidente da Frimesa, Elias Zydek; o presidente da Associação Comercial e Empresarial de Medianeira, Ademir Pereira; o vice-prefeito de Medianeira, Evandro Mees; e prefeitos, secretários e autoridades da região.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ibaiti - PR Atualizado às 09h55 - Fonte: ClimaTempo
12°
Poucas nuvens

Mín. 10° Máx. 25°

Qua 24°C 13°C
Qui 25°C 11°C
Sex 26°C 11°C
Sáb 27°C 12°C
Dom 24°C 11°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Ele1 - Criar site de notícias